segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Panna cotta com doce de famboesa

Desta vez, esta foi a sobremesa escolhida para terminar mais um almoço de amigos.
É muito rápida de preparar mas deve ser feita com alguma antecedência para que fique com consistência certa.
Usamos framboesas congeladas para preparar o doce, mas pode ser feita com framboesas frescas ou mesmo com doce de compra.


Ingredientes:


Para a Panna cotta:

  • 250ml de natas;
  • 250ml de leite;
  • 2 folhas e meia de gelatina;
  • 70 gr. de açúcar;
Para o doce:
  • 200 gr. de framboesas congeladas;
  • 80 gr de açúcar;
 
 
Preparação:
 
Para a Panna cotta:
Num tacho, misturar o leite com as natas. Hidratar as folhas de gelatina num pouco de água.
Juntar o açúcar e a vagem de baunilha aberta ao meio à mistura de leite e natas e levar ao lume até que levante fervura.
Dissolver a gelatina no preparado anterior em quente.
Verter para um jarro e encher as formas.
 Levar ao frigorífico durante 3 horas para que ganhe consistência

Para o doce:
Levar ao lume as framboesas e o açúcar, durante aproximadamente 20 minutos.


Servir a Panna Cotta com o doce.


sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

Bolo de tangerina sem açúcar

Mais uma receita de um bolo sem açúcar, desta vez com tangerina. A receita é do Chefe José Avillez, do livro Doces sem açúcar.

A receita original leva laranja, mas como tinha em casa muitas tangerinas que tinha trazido de casa dos meus pais, decidi fazer essa alteração, e o resultado não podia ser melhor. O bolo fica muito leve, e muito saboroso, sem dúvida uma receita a repetir mais vezes.


Ingredientes:
  • 4 ovos;
  • 2 chávenas de farinha
  • 150 ml de sumo de laranja;
  • 1 colher de chá de fermento;
  • 1/2 chávena de leite;
  • 1/2 chávena de manteiga sem sal;
  • 1/2 chávena de adoçante;

Preparação:

Bater os ovos com o adoçante até ficar uma mistura cremosa.
Aquecer o leite e juntar a manteiga, para que esta derreta.
Acrescentar alternadamente à mistura dos ovos a farinha o leite e o sumo de laranja. Por ultimo misturar o fermento.
Levar ao forno durante aproximadamente 40 minutos, ate que o bolo esteja cozido.

terça-feira, 17 de dezembro de 2013

Cabazes de Natal #4: Mistura para cappucino

Mais uma receita que vai enriquecer os meus cabazes de natal e mais um vez uma receita do blog "Para cozinhar".


Ingredientes:
  • 300g de leite em pó
  • 1 saqueta de chantily fixe
  • 2 colheres de chá de bicarbonato de sódio
  • 3 colheres de chá de cacau em pó
  • 150g de café solúvel
  • 50g de açúcar
Preparação:

Misturar bem todos os ingredientes e guardar num recipiente bem fechado.
Para preparar a bebida, misturar 3 colheres de chá bem cheias de pó e juntar 200ml de água a ferver.


segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Bolo de maça

Mais uma sobremesa sem açúcar, para finalizar o almoço de domingo...

Desta vez decidi experimentar o bolo de maça do livro base da Bimby, super rápido de preparar e muito bom, recomendo!


Ingredientes:
  • 4 maçãs,
  • 125 gr. de manteiga,
  • 1 ovo inteiro + 2 gemas,
  • 20 gr. de adoçante,
  • 2 colheres e meia de fermento em pó,
  • 170 gr. de farinha,
  • 10 gr. vinho do Porto
  • 1 pitada de sal

Preparação:
Descasque as maçãs, corte-as aos quartos e de seguida lamine-as finamente.
A seguir coloque no copo o ovo, as gemas e o açúcar e programe 2 Min., Temp. 37, Vel. 4.
Junte a manteiga, o vinho do Porto e misture 5 Seg., Vel. 4.
Adicione a farinha, o fermento e o sal, e programe 6 Seg., Vel. 6.
Deite numa forma, usei uma de selicone sem buraco, e coloque em cima os quartos de maçã, uns ao lado dos outros, com a parte cortada para cima.
Levar ao forno, pré-aquecido a 180 graus, durante aproximadamente 30 Min.
 
Retire do forno, deixe arrefecer e desenformar.


 
 

quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

Cabazes de Natal #3: Compota de morango

Em Abril encontrei uma promoção muito boa de morangos e acabei por comprar vários quilos. Como é um dos meus doces preferidos, decidi logo que a maioria dos morangos teria esse fim.

Na altura, e depois de já ter feito varias vezes o doce, e de já ter vários frascos para ir saboreando do longo do ano, acabei por congelar +/- 2kg de morangos, para, pensava eu, fazer sumos ou gelados no verão.

Apesar de ter feito alguns sumos e gelados, ainda tinha mais de um quilo de morangos congelados e por isso, este fim-de-semana passado, estive a fazer novamente doce de morango.

Esta é a receita que conheço mais simples e a que uso normalmente, leva apensa morangos e açúcar.

Ingredientes:
  • 800 gr de morangos congelados;
  • 500 gr de açúcar

Preparação:
 
 Utilizando a Bimby:
Colocar no copo da Bimby os morangos lavados e o açúcar e reservar durante 15 minutos;
Programar 30 minutos, velocidade 1, temperatura varoma. (Como os meus morangos ainda estavam um pouco congelados programei temperatura varoma, mas se forem frescos faço na temperatura 100º).
Ao fim deste tempo verificar o ponto num prato. Para isso colocar um pouco do doce no prato e deixar arrefecer, passar o dedo pelo doce, dividindo-o ao meio. Se as duas partes se voltarem a unir, é porque o doce ainda está muito liquido e deveremos programar mais uns minutos em temperatura varoma. No meu caso precisei de considerar mais 15 minutos.
Encher os frascos previamente esterilizados com a compota ainda quente e manter a tampa voltada para baixo até que o doce arrefeça, permitindo desta forma que se crie vácuo natural o que vai ajudar a conservação do doce durante mais tempo.


Método tradicional:
Colocar num tacho para ir ao lume os morangos lavados e o açúcar e reservar durante 15 minutos;
Levar ao lume durante pelos menos 30 minutos, mexendo muitas vezes para não colar.
Ao fim deste tempo verificar o ponto num prato. Para isso colocar um pouco do doce no prato e deixar arrefecer, passar o dedo pelo doce, dividindo-o ao meio. Se as duas partes se voltarem a unir, é porque o doce ainda está muito liquido e deveremos levar ao lume mais um pouco.

Encher os frascos previamente esterilizados com a compota ainda quente e manter a tampa voltada para baixo até que o doce arrefeça, permitindo desta forma que se crie vácuo natural o que vai ajudar a conservação do doce durante mais tempo.


Esterilizar os frascos: 
Há varias formas de esterilizar os frascos, eu normalmente encho-os com agua a ferver, fecho com as respetivas tampas e deixo durante 5 minutos, depois, com cuidado retirar a água e encho logo com a compota ainda a ferver, voltando-os de tampa para baixo logo de seguida, para que criem o vácuo natural.
Mas podem também ser seguidos os seguintes métodos ode utilizar depois de os ter lavado e retirado os rótulos. ode colocar numa panela cheia de água, juntamente com as tampas e deixar ferver uns minutos, deixando depois secar bem antes de os utilizar. Poderá também colocá-los no micro-ondas durante 1 ou 2 minutos, retirando-os depois com cuidado e utilizando-os de seguida. Outro método, e o que eu utilizo é simplesmente colocá-los na máquina de lavar, e utilizar de seguida.



terça-feira, 10 de dezembro de 2013

Cabazes de Natal #2: Mistura de especiarias

Aqui fica mais uma das coisas que preparei para rechear os meus cabazes de natal, mistura de especiarias para carnes grelhadas.

Depois de ver várias receitas de misturas de especiarias e inspirada em vários blogs segui a seguinte.

Ingredientes:

  • 1/4 de chávena de sal grosso;
  • 1/4 de chávena de açúcar amarelo;
  • 1/4 de chávena de  paprika;
  • 2 colheres de sopa de oregãos secos;
  • 2 colheres de sopa de alho seco;
  • 2 colheres de sopa de tomilho seco;
  • 1 colher de sopa de malagueta picada.

Preparação:

Juntar todos os ingredientes no copo da bimby e programar 10 segundos velocidade 4, para misturar tudo muito bem. Se não tiver bimby poderá ser usado um robot de cozinha, o importante é que a mistura fique bem feita.


segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

Cabazes de Natal #1: Figos em Calda

Este ano decidimos que a maioria dos presentes deveria ser feita por nós, tenho por isso a desculpa perfeita para finalmente preparar os meus primeiros cabazes de natal para oferecer.

Ao longo dos próximos dias vou publicar algumas das receitas que encontrei na minha pesquisa pelas centenas de blogs que visitei e que este anos farão parte dos meus cabazes.

Contudo, os meus cabazes já não estão completamente vazios, ao longo do ano vou preparando compotas com a fruta que trago de casa dos meus pais, e por isso neste momento já so me falta finalizar os frascos com etiquetas ou outra decoração alusiva ao natal.

A receita de hoje, é da Colher de Pau, do blog "Para cozinhar" que consulto diariamente pois tem sempre receitas deliciosas.

Ingredientes:

  • 15 figos secos
  • 300ml de água
  • 150ml de mel (coloquei um bocadinho menos)
  • 2 paus de canela
  • 1 colher de chá de canela em pó
  • 1 colher de chá bem cheia de erva doce em grão
  • 2 rodelas de limão (coloquei apenas uma)
  • 1 rodela de laranja

Preparação:

Colocar todos os ingredientes num tachinho e levar ao lume, mexendo de vez em quando, até o molho reduzir para uma calda, o que demora cerca de 30 minutos.
Deixe arrefecer e coloque num frasquinho.

Pode ser servido com requeijão ou outros queijos, sericaia ou pão de ló molhadinho em substituição das tradicionais ameixas d´Elvas.
 

quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Massa com cogumelos e bacon

Aqui fica mais uma receita pronta em menos de 15 minutos, ótima para quando chegamos tarde a casa, com fome e sem nada pensado para o jantar.


Ingredientes:
  • cogumelos;
  • bacon;
  • manjericão;
  • natas;
  • massa;

Preparação:

Levar a cozer a massa segundo as indicações da embalagem;
Numa frigideira, levar ao lume o bacon até alourar e juntar os cogumelos. Quando estes estiverem cozidos juntar as natas e temperar a gosto;
Coar a massa, guardando um pouco da agua de cozedura.
Juntar a massa ao molho na frigideira, e levar um pouco mais ao lume e envolver. Se estiver com pouco molho, juntar um pouco da agua de cozedura.
Polvilhar com manjericão e servir.



quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

Couscous com perú e ervilhas

Desde que descobri esta receita numa revista Blue Cooking já a fiz várias vezes, mas nunca tinha conseguido tirar uma foto para publicar aqui. Ao longo do tempo a receita foi evoluindo e vai variando muito consoante a minha vontade e os ingredientes disponíveis no frigorifico.
 
A receita original é com chouriça e espinafres, já a fiz com esses ingredientes várias vezes, já substitui a chouriça por frango ou perú e já a fiz com os dois. Quanto aos legumes também vou variando, mas a minha combinação preferida é com espinafres, mas na falta destes desta vez utilizei ervilhas.
 
Aqui fica então a receita.
 
 
Ingredientes:
  • Couscous;
  • tiras de peru;
  • duas tiras de pimento vermelho;
  • polpa de tomate;
  • ervilhas;
  • caldo de carne;
  • sal, pimenta e paprika q.b.
 
Preparação:
 
Temperar as tiras de peru com sal, pimenta e paprika e reservar durante 10 minutos;
Levar ao lume, numa frigideira as tiras de perú até alourarem. Juntar as o pimento e a polpa de tomate e um pouco de agua e deixar levantar fervura;
Temperar a gosto e juntar as ervilhas;
Juntar o couscous e tapar durante 5 minutos.
Servir.
 
 
 

segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

Leite creme sem açúcar

Mais uma receita adaptada para poder ser saboreada por todos cá casa. Apesar de ser diferente da receita tradicional, pois não é queimada com açúcar, fica muito saborosa, especialmente se ainda estiver morna.

Ingredientes:
  • 1 litro de leite;
  • 6 gemas;
  • 20 gr de adoçante;
  • 40 gr de maizena,
  • 1 casca de limão;
  • 1 pau de canela;
  • canela em pó q.b. para polvilhar;


Preparação:

Levar o leite ao lume  com a casca de limão e o pau de canela.
Num tacho, misturar o açúcar e a maizena e adicionar aos poucos o leite fervido e envolver bem;
Levar novamente ao lume até que comece a engrossar.
Adicionar  as gemas batidas ao creme, e levar de novo ao lume, apenas para cozer as gemas, sem nunca deixar de mexer.
Coloque o leite-creme numa travessa e polvilhar com canela.


quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Ovos mexidos com salsicha

Os jantares ao domingos são sempre muito simples, e muitas vezes são apenas uma sandes e uma sopa. Após verificar o que tinha no frigorífico, decidi que a melhor forma de gastar uma salsicha que tinha sobrado, um punhado de espinafres e umas fatias de queijo seria mesmo nuns ovos mexidos. E assim resultou o nosso jantar.

Aqui fica uma proposta para um petisco ou um jantar muito simples e rápido.

Ingredientes:

  • 3 ovos mexidos;
  • um punhado de espinafres;
  • 1 salsicha;
  • 2 fatias de queijo;
  • algumas azeitonas descaroçadas;


Preparação:
Levar ao lume numa frigideira as salchichas, depois de alourarem, juntar os espinafres o queijo e as azeitonas.
Juntar os ovos mexidos e retirar do lume.
Servir com tostas.



quarta-feira, 27 de novembro de 2013

Frango agridoce com arroz branco

Desde que descobri esta receita no blog Caramelo e Baunilha, já a repeti diversas vezes, com uma ou outra alteração o resultado é sempre muito bom.

Hoje acrescentei cogumelos usei perú, e como sempre o resultado foi delicioso.


Ingredientes:

  • 3 bifes de perú;
  • 1 colher de café de paprika;
  • 1/2 cebola em rodelas finas;
  • 2 tiras de pimento vermelho;
  • 2 rodelas de ananás;
  • 2 dl de calda de ananás
  • 1 colher de sopa de maisena;
  • 1 colher de sopa de açúcar;
  • 1 colher de sopa de vinagre;
  • 5 colheres de sopa de polpa de tomate;

Preparação:

Cortar os bifes de perú aos cubos e temperar com sal e paprika;
Cortar o ananás e os pimentos aos cubos;
Dissolver a farinha na calda de ananás, juntar a polpa de tomate, o vinagre e o açúcar;
Levar ao lume as rodelas de cebola com um pouco de azeite, logo que estejam cozidas juntar os cubos de perú até ficarem com um pouco de cor;
Acrescentar a polpa de tomate, o ananás e o pimento e deixar cozer durante 5 minutos;
Regar com a calda de ananás e deixar engrossar um pouco;
Retirar do lume e servir com arroz branco.




terça-feira, 26 de novembro de 2013

Aletria sem açúcar

Gosto muito de aletria, fria se for a receita da minha avó, em que se consegue cortar em quadrados, e ainda quente se for esta que hoje publico, que é muito cremosa.

Esta tem a particularidade de ser uma sobremesa que pode ser saboreada por todos lá em casa, pois não contém açúcar.


Ingredientes:

  • 1 litro e meio de leite meio gordo;
  • 250 g de aletria;
  • 25g de adoçante;
  • 5 gemas;
  • 1 casca de meio limão;
  • 2 paus de canela;

Preparação:

Levar ao lume o leite com a casca de limão e os paus de canela até ficar quente;
Levar ao lume, noutro recipiente, a aletria a cozer num ponto de agua, e logo que levante fervura juntar o leite previamente aquecido;
Deixar cozer durante 10 minutos, juntar o adoçante e deixar cozer mais um pouco;
Dissolver as gemas num pouco de leite e juntar a aletria já fora do lume;
Levar novamente ao lume para que as gemas cozam;
Servir polvilhado com canela.



sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Arroz de gambas e chouriço com espinafres

A primeira vez que vi esta receita, achei num pouco estranha a combinação de gambas com chouriço, mas a medo, lá experimentei e adorei o resultado. Foi tão bom, que desde aí já repeti várias vezes.

A receita faz parte do livro "Ingrediente secreto 1" do Chefe Henrique Sá Pessoa, mais concretamente do capitulo dedicado ao arroz.

Desta vez acrescentei um pouco de espinafres que me tinham sobrado de outra refeição, e mais uma vez adorei o resultado.

Ingredientes:
  • arroz qb;
  • 10 gambas descascadas;
  • 1 cenoura;
  • 1/2 alho francês;
  • coentros q.b. (não usei porque não tinha)
  • 1 ramo de salsa;
  • espinafres q.b.;
  • 3 colheres de sopa de molho de tomate;
  • 1 cebola;
  • 3 dentes de alho;
  • chouriço em rodelas finas q.b.;
  • azeite;
  • sal;
  • 1 copo de vinho branco;
Preparação:

Aquecer o azeite num tacho, juntar as cascas e as cabeças das gambas, cenoura às rodelas, dois dentes de alho, meio alho francês; Incorporar tudo, juntar o copo de vinho branco, uma colher de molho de tomate e a salsa e mexer;
Quando começar a ferver, retirar a espuma com as impurezas e baixar o lume e deixar apurar 30 minutos.

Colocar numa frigideira o azeite e fritar o chouriço, a cebola, o alho e os coentros. Juntar o arroz e deixar fritar ligeiramente.
Juntar duas colheres de molho de tomate, o vinho branco e incorporar tudo com um garfo.
Adicionar o caldo através um passador (por cada 140g de arroz adicionar  400 ml de caldo).
Logo que levante fervura ponho o lume no mínimo e tape. Deixe cozer 10 minutos.

Na receita original, era indicado para se cortar as gambas aos bocados, mas eu optei por as deixar inteiras.
Juntar as gambas e os espinafres ao arroz e deixar cozer por mais 5 minutos.
Retirar do lume, e servir polvilhado com coentros picados.


quinta-feira, 21 de novembro de 2013

Migas de broa de milho com couve galega

Esta receita é muito simples e muito saborosa, ótima para acompanhar carnes grelhadas. Foi "feita a olho" e pela primeira vez,  mas a repetir sem dúvida nenhuma.

Ingredientes:
  • broa de milho;
  • couve galega cortada fininha (como paar caldo verde);
  • 2 dentes de alho;
  • azeite e sal q.b.
Preparação:

Levar ao lume ou ao micro ondas o azeite com os dentes de alhos picados, até ficar morno;
Colocar o miolo da broa num robot de cozinhar e triturar até ficar desfeito;
Levar ao lume a cozer a couve galega com um pouco de sal, depois de cozida coar, mas reservar um pouco da agua de cozedura e reservar;
Misturar a couve galega com a broa esfarelada e o azeite. Se achar que está muito seco juntar um pouco da agua da cozedura e servir.




quarta-feira, 20 de novembro de 2013

Bolo de limão com sementes de papoila

Desde que vi esta receita no blog As minhas receitas, fiquei logo com vontade de a experimentar, mas como não tinha as sementes de papoila fui adiando, adiando até que me esqueci, mas ela lá ficou no monte de folhas das receitas a experimentar.
 
Como já tinha comprado as sementes e me apetecia um bolo simples, experimentei este e não me arrependi, é um bolo fofinho e muito saboroso.
 
A única alteração que fiz foi não preparar a cobertura... não deu tempo..

 
Ingredientes:
  • 3 colheres de sopa de leite
  • 3 ovos grandes
  • 1 e ½ colher de chá de extracto de baunilha
  • 1 e ½ chávena de farinha sem fermento peneirada
  • ¾ chávena de açúcar
  • 1 colher de chá de fermento
  • ¼ colher de chá de sal fino
  • 1 colher de sopa de raspas de limão
  • 3 colheres de sopa de sementes de papoila
  • 185 gramas de manteiga sem sal amolecida
  
Preparação:
 
Num recipiente misturar o leite, os ovos e o extracto de baunilha.
Noutro misturar a farinha, o açúcar, o fermento, o sal, a raspa de limão e as sementes e misturar bem.
Juntar a manteiga, e a seguir metade da mistura dos ovos, aumentando, aos poucos, a velocidade. Bater dois minutos e juntar o resto da mistura dos ovos em duas vezes.
Vai ao forno cerca de 40 minutos, a 180º, em forma de bolo inglês ou até estar cozido.
 

terça-feira, 19 de novembro de 2013

Bacalhau verde

A par das massas, uso muitas vezes o bacalhau quando as ideias escasseiam ou quando preciso de preparar um prato para muita gente.
Aqui fica uma receita de bacalhau com inspiração numa das muitas revistas que tenho lá por casa.
 
Ingredientes:
  • Bacalhau;
  • espinafres;
  • 3 batatas médias;
  • 2 cebolas pequenas;
  • 2 dentes de alho;
  • Azeite e queijo ralado q.b.
 
Preparação:
 
Cozer o bacalhau. Depois de cozido, desfazer em lascas e reservar;
Cortar as batatas em rodelas grossas e levar a cozer. Depois de cozidas, coar e reservar;
Cortar as cebolas em rodelas e levar a refogar num pouco de azeite, juntar os dentes de alho picados.
Juntar as lascas de bacalhau e deixar refogar mais um pouco. Depois juntar as batatas e envolver bem.
Colocar num recipiente que possa ir ao forno e cobrir com queijo ralado.
Levar ao forno ate gratinar.
 
 

segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Mini tartes de leite condensado

Esta receita é muito simples e rápida de preparar, especialmente, se como eu tiverem bases para tartes já prontas.

Ingredientes:
  • 1/2 lata de leite condensado;
  • 3 ovos;
  • raspa de limão.
Preparação:
Misturar o leite condensado com as gemas e levar ao lume até engrossar;
Retirar do lume juntar a raspa de limão e deixar arrefecer;
Bater as claras em castelo e juntar à mistura anterior;
Colocar as bases de massa em formas pequenas, tipo queque;
encher com o preparado anterior e levar ao forno durante 30 minutos.

sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Memórias de infância #3: Bolo Mármore

Aqui fica mais uma receita de um bolo que é uma das minhas memórias de infância, o bolo mármore, um dos que a minha mãe fazia com mais frequência.

Como ela diz, fiz batota e usei a Bimby, o que torna a preparação muito mais rápida. A receita é a do livro base da Bimby.

Ingredientes:
  • 100 g manteiga amolecida
  • 250 g açúcar
  • 1 c. sopa de açúcar baunilhado
  •  4 ovos
  •  120 g leite
  • 300 g farinha
  •  1 c. chá de fermento em pó p/ bolos
  • 1 c. sopa de chocolate em pó

Preparação:

Pré-aqueça o forno a 180°C.
Deitar no copo, a manteiga, o açúcar, o açúcar baunilhado, os ovos, o leite e programar 1 minuto na velocidade 6. Juntar a farinha, o fermento e envolver durante 15 segundos na velocidade 3.
Deitar metade da massa numa forma previamente untada e enfarinhada (eu usei uma de selicone e por isso não untei nem enfarinhei a forma).
Juntar o chocolate à restante massa e envolva durante 15 segundos na velocidade 3.
Deitar na forma, passar uma espátula de maneira a fazer movimentos em espiral para obter um efeito de mármore e levar ao forno cerca de 40 minutos.


quinta-feira, 14 de novembro de 2013

Cozinheiros convidados #2: Bolo de Noz

Hoje temos mais uma vez uma cozinheira convidada e aqui fica a receita que a Maria Vaz nos fez chegar.

Ingredientes:
  • 100 gr de manteiga;
  • 1 chávena de açúcar;
  • 6 ovos inteiros;
  • 2 chávenas de farinha;
  • 100 g de nozes picadas;
  • 1 colher de chá de canela e fermento

Preparação:
Bate-se a manteiga com o açúcar, adicionam-se os ovos, a canela, a farinha a qual adicionamos o fermento. Por fim juntam-se as nozes envolvidas num pouco de farinha. Envolve-se todo o preparado e vai ao forno (180 g) em forma de buraco.


quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Memórias de infância #2: Sericá ou Sericaia

Esta foi uma das primeiras sobremesas que aprendi a fazer juntamente com a minha irmã. Lembro-me que na altura, retiramos a receita de uma publicação do JN, que não tinha imagens e por isso não fazíamos ideia de como ficaria, arriscamos, e hoje é uma das nossas preferidas.

Faço muitas vezes no inverno porque gosto dela ainda morna, mas fica igualmente deliciosa fria.


Ingredientes:
  • 6 ovos;
  • 300g de açúcar;
  • 80g de farinha;
  • 0.5l de leite;
  • uma casca de limão
  • canela q.b.

Preparação:

Batem-se as gemas com o açúcar até que a mistura fique esbranquiçada , depois e mistura-se a farinha e vai-se juntando o leite aos poucos.
Depois de bem misturado leva-se ao lume, e deixa-se cozer a farinha, depois retira-se do calor e deixa-se arrefecer.
Batem-se as claras em castelo e adicionam-se à mistura anterior fria.
Deita-se o preparado num prato de estanho, cobre-se com canela e leva-se ao forno a 170ºc durante 30 a 40 minutos. O doce esta cozido quando abrir fendas.



terça-feira, 12 de novembro de 2013

spaghetti nero com lulinhas e camarão

Quando não sei o que preparar para o jantar, os pratos de massa são normalmente a minha escolha, rápidos de preparar, simples e muito saborosos, ótimos para estes dias cinzentos que vamos tendo.
 
Aqui fica mais uma receita de pronta em menos de 15 minutos.
 
Ingredientes:
  • 250 gr de spaghetti nero;
  • meia embalagens de mistura de lulinhas, polvo e miolo de camarão (usei mistura Pescanova);
  • 2 dentes de alho esmagados;
  • vinho branco q.b
  • azeite q.b.
  • sal, pimenta e tabasco
 
Preparação:
Cozer a massa durante o tempo indicado na embalagem;
Numa frigideira, colocar os alhos e o azeite e deixar aquecer, juntar o vinho e deixar levantar fervura, para evaporar o álcool;
juntar a mistura de moluscos e marisco e deixar cozer.
Depois de cozida a massa, coar e juntar a mistura anterior.
 
 



segunda-feira, 11 de novembro de 2013

Ovos mexidos com cogumelos

Aqui fica mais uma daquelas receitas, super rápida de preparar,  para quando temos  fome e nenhuma vontade de cozinhar, pode ser servida como entrada ou como parte de uma refeição ligeira.

Ingredientes:
  • 2 ovos;
  • 3 cogumelos;
  • tostas;
  • um dente de alho
  • sal, pimenta qb.

Preparação:

Levar ao lume numa frigideira o alho com o azeite e os cogumelos, deixar saltear;
Juntar um ovo batido, e deixar cozer um pouco os ovos;
Retirar do lume e  servir com tostas.


sexta-feira, 8 de novembro de 2013

Arroz doce

Esta sobremesa tem a particularidade de ter sido feita com adoçante e por isso poder ser saboreada por todos lá em casa.
 
Foi feita com base na receita do livro base da Bimby, e é ótima para estes dias frios..
 
 
Ingredientes:
  • 1000 g leite;
  • 160 g arroz carolino
  • 1 casca de limão, só a parte amarela;
  •  1 pau de canela
  • 1 pitada de sal
  • 160 g açúcar
  • 4 gemas de ovo
  • Canela q.b.
 
 
Preparação:
 
Colocar no copo todos os ingredientes exceto o açúcar e as gemas e programar 15 min/ 90ºC/rotação inversa/vel. colher. Quando terminar os 15 minutos, abrir e envolver com a espátula.
Voltar a programar 25 min/ 90ºC/rotação inversa/vel. colher.
Quando terminar, juntar o açúcar, as gemas (previamente desfeitas num pouco de arroz doce), e envolver com a espátula.
Voltar a programar 10 min/ 90ºC/rotação inversa/vel. 1.
Quando terminar colocar numa taça e servir morno ou frio polvilhado com canela.
 

 
 
 



quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Arroz de tamboril e camarão

Com a chegada dos dias mais frios e chuvosos, nada melhor que comida "de tacho" para reconfortar. Arroz malandrinho é, para mim, das comidas que melhor fazem este papel.

Ingredientes:

  • Tamboril;
  • Camarão;
  • Pimento verde;
  • Pimento vermelho;
  • Tomate;
  • Arroz:
  • Azeite;
  • Cebola

Preparação:

Descasque o camarão e reserve as cascas e as cabeças para fazer um caldo de camarão.
Faça um refogado com azeite, cebola e os pimentos cortados em pedacinhos pequenos.
Deixe alourar um pouco e junte o tomate pelado e partido em cubinhos. Junte aos poucos o caldo de camarão que preparou previamente, deixe ferver e introduza o arroz.
Antes 5 minutos de o arroz ficar pronto, introduza o camarão descascado e o tamboril partido.
Verifique os temperos e deixe cozinhar. Retire do lume, polvilhe com salsa fresca, e sirva.



quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Convidados #1: Bolo de chocolate da Maria Vaz

Hoje temos uma "cozinheira" convidada, a Maria Vaz, e é dela esta deliciosa receita de bolo de chocolate.

Ingredientes:

Bolo:
  • 3 colheres da sopa de manteiga;
  • 3 colheres de açúcar;
  • 6 ovos inteiros;
  • 6 colheres de chocolate em pó;
  • 100 gr. de coco ralado;
  • 3 colheres de farinha;
  • 1 colher de chá de fermento;

Cobertura
  • Meia chávena de leite;
  • 2 colheres de sopa de manteiga;
  • 100 g de chocolate de culinária;
  • meia  chávena de açucar;
Preparação:

Bater o açúcar com a manteiga até obter um creme, adicionar os ovos um a um;
Acrescentar o chocolate, depois o coco e por fim a farinha á qual se adicionou o fermento;
Levar ao forno pré-aquecido a 180º, numa forma (sem buraco) untada com manteiga;
Depois de cozido, desenformar e deixar arrefecer;

Para a cobertura,  levar todos os ingredientes ao lume ate engrossar, mexendo sempre até ficar com a consistência desejada.

Depois de morno, cobrir o bolo com a cobertura preparada.


terça-feira, 5 de novembro de 2013

Bolo de côco tostado

Desde que vi esta receita fiquei super curiosa. Apesar de ter demorado muito tempo a fazê-la, sempre que fazia um doce, pensava nela mas por um motivo ou por outro acabava por optar por outra sobremesa.
Usei a massa de bolo conforme a receita original mas a calda foi alterada. Fiz assim:

Ingredientes:

  • 1 chávena de côco ralado seco;
  • 60g de manteiga amolecida;
  • 1 chávena de açúcar;
  • 1 pitada de essência de baunilha;
  • 3 ovos à temperatura ambiente;
  • 2 chávenas de farinha;
  • 1/2 colher de café de bicarbonato de sódio;
  • 1 colher de café de fermento;
  • 1 chávena de leite.
  • 1 dl de leite;
  • 1/2 colher de sopa de açúcar;
  • casca de limão.

Preparação:

Numa frigideira anti-aderente, colocar o coco e levar ao lume em lume médio (mexendo frequentemente). Quando o coco começar a ganhar cor, diminuir para lume brando (ter atenção porque o coco quente, queima facilmente). Quando este tiver uma cor dourada clara, retirar do lume. Transferir o coco para outro recipiente e deixar arrefecer completamente antes de usar.
Pré-aquecer o forno a 180º. Untar uma forma redonda com manteiga e polvilhar com farinha.
Misturar a farinha, o sal, o fermento, e o bicarbonato de sódio. Peneirar esta mistura 3 vezes, reservar. Á parte, bater os ovos, até as claras e as gemas estarem bem misturadas, reservar.
Com a batedeira (na velocidade máxima), bater a manteiga com o açúcar e a baunilha, até obter uma mistura fofa. Adicionar os ovos, à mistura da manteiga, bater durante 3 minutos. Acrescentar metade da farinha e bater até envolver a mesma, adicionar metade do leite e bater até o leite ser absorvido. Repetir o processo para a restante farinha e o restante leite. Adicionar o coco tostado e bater até o coco ficar misturado.
Despejar a massa numa forma e levar ao forno até estar cozido. Deixar arrefecer 5 minutos antes de desenformar.
Levar todos os ingredientes da calda, ao lume até ferver. Despejar por cima do bolo.
Decorar com côco ralado e raspa de limão. Levar ao frigorífico pelo menos 2 horas antes de servir.


segunda-feira, 4 de novembro de 2013

Canelones de ricota e espinafres

Depois de ter experimentado canelones de espinafres num almoço fora e ter gostado muito, decidi experimentar em casa, e apesar de não ter uma receita comigo, a experiencia correu muito bem, uma receita a repetir mais vezes.

 
Ingredientes:
  • 8 canelones;
  • Uma embalagem de espinafres,
  • 200 gr de queijo ricota;
  • Dentes alho;
  • Molho bechamel q.b;
  • Queijo ralado;
  • Molho de tomate
  • Sal, pimenta e azeite q.b

Preparação:
Numa frigideira, levar ao lume os alhos picados com azeite, juntar os espinafres e deixar cozer. Depois de frios, misturar o queijo ricota.

Rechear os canelones com a mistura de espinafres e ricota (eu usei um saco de pasteleiro sem ponta para ser mais rápido, mas pode ser usada uma colher).

Colocar no fundo de um pirex o molho de tomate, os canelones por cima e cobrir com um pouco de bechamel.
Polvilhar com queijo ralado e levar ao forno durante 15 minutos ou até que os canelones estejam cozidos.


 

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Focaccia

Continuando numa onda de inspiração italiana, a receita de hoje surgiu pela quantidade de elogios que tinha recebido nos vários blogues de culinária. Optei por fazer uma base mais fina, para que ficasse mais estaladiça e resultou muito bem.
Baseei-me nesta cozinha, mas alterei os tempos de levedura para que ficasse mais fininha e crocante.

Ingredientes

  • 430g de farinha;
  • 1 colher de sopa de oregãos;
  • 7g de fermento padeiro;
  • 1/2 colher de chá de sal;
  • 1/2 colher de chá de açúcar;
  • 300 ml de água morna;
  • 1 colher de sopa de azeite;
  • azeitonas.

Preparação:

Misture a farinha, os oregãos, o fermento, o sal e o açúcar. Mexa para incorporar todos os ingredientes. Acrescente a água morna e o azeite e mexa até os ingredientes estarem misturados. Bata com a ajuda da batedeira até a massa começar a despegar-se do recipiente.
Coloque esta massa num recipiente grande, untado de azeite, cubra com película aderente e deixe crescer, num local quente, até a massa duplicar (cerca de 45 minutos).
Pre-aqueça o forno. Unte um tabuleiro com azeite e coloque a massa. Pressione levemente com as pontas dos dedos para retirar o excesso de ar. A massa deve ficar com cerca de 1,5 cm de espessura para que não fique muito alta.
Coloque as azeitonas, pincele a massa com 1 fio de azeite e polvilhe com oregãos e sal grosso.
Retire do forno e pincele novamente com um pouco de azeite.


quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Bruschetta de tomate e azeitonas

A bruschetta é antepasto italiano feito á base de pão, que é tostado com azeite e depois esfregado com alho, sendo a mais comum provavelmente a de tomate.

É uma receita muito simples e muito rápida, ótima para aqueles dias em que nos apetece comer alguma coisa enquanto preparamos o jantar ou como entrada para uma refeição mais descontraida.

Normalmente uso pesto ou folhas de manjericão, mas na falta destes, usei um azeite aromatizado com manjericão que tinha preparado no verão.

Ingredientes:
  • 2 fatias de pão grossas;
  • azeite q.b. (usei aromatizado com manjericão)
  • 1 tomate de cacho pequeno;
  • azeitonas pretas sem caroço partidas a meio;
  • 4 folhas de manjericão  (não usei, não tinha)
  • 2 dentes de alho.
Preparação:

Pincelar as duas fatias de pão com azeite e levar a torrar ao forno.
Cortar o tomate em cubinhos pequenos, juntar  as folhas de manjericão, as azeitonas;
Temperar com azeite, sal e pimenta;
Quando as fatias de pão estiverem torradas, retirar do forno, esfregar com os dentes de alho e colocar por cima a mistura de tomate.


quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Pescada com presunto

Desde que me lembro, nunca reclamei quando as refeições eram pescada. Mas sei que há muitas pessoas que não apreciam pescada. Esta talvez seja uma forma interessante de adicionar peixe na alimentação...

Ingredientes:

  • Medalhões de Pescada;
  • Presunto;
  • Vinho branco;
  • Ervas de Provence;
  • Cebola;
  • Azeite.

Preparação:

Tempere os medalhões de pescada com alho e sumo de limão. Deixe tomar gosto cerca de 30 minutos. Corte a cebola às rodelas e leve ao lume com um pouco de azeite. O objectivo é que amoleçam, para que não fiquem duras quando forem ao forno, mas não devem cozinhar demasiado.
Enrole uma porção de presunto em cada medalhão de pescada. No recipiente de ir ao forno, coloque a cebola e o azeite, as postas de pescada por cima e regue com um pouco de vinho branco. Espalhe ervas de Provence por cima e leve ao forno cerca de 15 min. Certifique-se que o peixe não fica demasiado cozinhado mas que o álcool do vinho evaporou.


terça-feira, 29 de outubro de 2013

Doce Húngaro

Desde que descobri esta receita no blog Lume Brando, nunca mais experimentei outra, as bolachinhas ficam mesmo boas.

A única alteração que faço é utilizar sucedâneo de chocolate em alternativa ao chocolate de culinária, e acho que faz toda a diferença (li esta dica num blog, mas não me lembro qual foi).


Ingredientes:
  • 300 g de farinha;
  • 50 de farinha custard;
  • 150g margarina;
  • 100 de açúcar em pó;
  • 2 gemas de ovo;
  • 20 g de leite;
  • 1 gema para pincelar;
  • 100 g de sucedâneo de chocolate (compro na casa Januário, e acho que faz toda a diferença)


Preparação:

Numa taça grande juntar todos os ingredientes.
Misturar muito bem com as mãos e formar uma bola de massa uniforme.
Estender com o rolo até a massa ficar com cerca de 5 mm de espessura.
Recortar as bolachinhas com as formas desejadas, e colocá-las num tabuleiro anti-aderente ou forrado com papel vegetal.
Pincelar com gema batida as bolachinhas.
Levar ao forno até estarem bem douradas, cerca de 15 minutos.

Depois de frias, levar o chocolate a derreter em banho-maria. Mergulhar metade de cada bolacha no chocolate e deixar secar sobre papel vegetal.

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Spaghetti alla Puttanesca

Fazer esta receita sempre me causou alguma resistência. Não pela suposta origem da receita mas pelo uso de anchovas. Finalmente me decidi e fiquei agradavelmente surpreendida!

Ingredientes:
  • Esparguete;
  • 2 colheres de sopa de azeite;
  • 3 dentes de alho esmagados;
  • 2 colheres de sopa de salsa fresca picada;
  • 1 malagueta;
  • 500g de tomate pelado;
  • 3 filetes de anchova;
  • azeitonas pretas descaroçadas;
  • queijo parmesão.

Preparação:

Cozinhe a massa de acordo com as instruções da embalagem ou até ficar al dente.
Aqueça o azeite, junte o alho, a salsa e a malagueta. Deixe cozinhar em lume médio cerca de 1 minuto, mexendo constantemente.
Junte o tomate e deixe ferver. Reduza o lume e deixe cozinhar por 5 minutos. 
Acrescente as azeitonas e as anchovas e deixe cozinhar mais 5 minutos. Tempere a gosto com pimenta preta.
Junte o molho à massa previamente escorrida e sirva com parmesão ralado na hora.


sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Um chilli diferente

As horas foram passando, e as ideias eram cada vez menos, tinha frango picado descongelado e nenhuma ideia do que poderia preparar com ele.
 
Como estava um dia chuvoso, precisava de algo reconfortante e rápido de preparar, lembrei-me dos cominhos e a ideia de um Chilli simplificado e diferente surgiu quase logo, só não sabia se iria resultar.
 
Em 15 minutos tinha o jantar pronto e embora muito simplificado, ficou muito saboroso.
 
 
Ingredientes:
  • uma lata pequena de feijão vermelho cozido;
  • 300g de frango picado;
  • polpa de tomate;
  • sal, pimenta e cominhos q.b.
  • Arroz branco cozido
 
Preparação:
 
Saltear o frango picado num frigideira, juntar a polpa de tomate, temperar e deixar cozinhar durante 10 minutos;
Juntar o feijão vermelho escorrido, e deixar cozinhar mais um pouco;
Retirar do lume e servir com arroz branco.
 
  


 

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Biscoitos de Limão e Gengibre

Com a chuva que caiu este fim de semana, apeteceu-me preparar algo para acompanhar o chá da tarde. Vi esta receita que me deixou curiosa: bolachas de limão e gengibre. Fiz pequenas alterações, apesar de terem ficado muito boas, alguma coisa não correu bem, pois não ficaram com a consistência que a receita apresentava.

Ingredientes:

  • 120 g de farinha T55;
  • 4 g de fermento químico;
  • 65 g de açúcar;
  • raspa de 1 limão;
  • 1 colher de chá de gengibre fresco ralado;
  • 1 pitada de sal;
  • 60 g de manteiga amolecida;
  • 1 clara



Preparação:

Numa taça misturar todos os ingredientes secos, o limão e o gengibre.
Adicionar a manteiga e unir, usando as pontas dos dedos. Juntar a clara e bater apenas até ligar todos os ingredientes. Formar um rolo com a massa e levar ao frigorífico cerca de 30 minutos.
Pré-aquecer o forno a 180ºC.
Quando retirar do frigorífico, a massa deverá estar firme para permitir cortar fatias com cerca de 0.5 cm de espessura. No meu caso isso não aconteceu, por isso, usei um saco de pasteleiro para fazer as bolachinhas.
Colocar num tabuleiro forrado com papel vegetal e levar ao forno cerca de 7 minutos.
Assim que estiverem cozidas, retirar e deixar arrefecer numa grade.



quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Pão Doce

Na preparação deste “Pão doce” tive como base a receita do folar doce da bimby, mas como fui fazendo alterações ao longo da preparação, o resultado foi muito diferente no que diz respeito à textura da massa.

O resultado foi muito bom, mas complicado de traduzir num nome, pois se o sabor é muito semelhante ao do folar doce da Pascoa, já não posso dizer o mesmo da consistência e da textura, que ficou muito semelhante à da trança que já publiquei aqui, por isso decidi chamar-lhe simplesmente “Pão doce com laranja e canela”.

 Ingredientes:

  • 100 gr de açúcar;
  • Casca de um quarto de laranja
  • 100 ml de leite;
  • 2 ovos;
  • 100 gr de manteiga;
  • 25 gr de fermento de padeiro fresco;
  •   ½ colher de chã de canela em pó;
  • 1/ colher de chã de sal
  • 500 g de farinha, tipo 65
  • Amêndoa picada q.b.
 
Preparação:

Num robot de cozinha colocar o açúcar e a casca de laranja até que fique em pó, 15 seg. vel. 9;
Juntar os ovos, o leite, a manteiga, fermento, a canela e o sal e programar 3 minutos, temp 37ºc na vel. 2;

Juntar a farinha e programar 2 min velocidade espiga;
Retirar para um tabuleiro polvilhado com farinha, fazer uma bola e deixar levedar durante 40 minutos, ou ate que dobre de volume, num local morno;

Abrir um buraco no centro, formando um circulo, pincelar com uma gema de ovo e polvilhar com a amêndoa e deixar novamente levedar dirante 30 minutos;
Levar ao forno pré-aquecido durante 30 minutos a 170ºc.

 

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Lulas Recheadas

Adoro lulas! Para mim as lulas recheadas sempre foram grelhadas, mas tenho vindo a aperceber-me que, de um modo geral, as receitas de lulas recheadas são estufadas. Apesar de muito simples, há que ter muito cuidado na escolha do presunto que se adiciona ao recheio para que não fique salgado.

Ingredientes:
  • Lulas;
  • Presunto;
  • Manteiga;
  • Alho;
  • Limão;
  • Azeite;
  • Cebola;
  • Salsa.

Preparação:

Peça na peixaria que arranjem as lulas para rechear. Desta forma, os sacos ficam inteiros e os tentáculos à parte.
Corte os tentáculos das lulas em bocadinhos e tempere com alho e pimenta. Leve uma frigideira anti-aderente ao lume com manteiga e um pouco de azeite, para saltear os tentáculos das lulas partidos. Assim que a água que as lulas vão libertar tiver evaporado, reduza o fogão para o mínimo até ganhar uma cor dourada. Acrescente o presunto previamente partido em bocadinhos pequenos. Se achar que o presunto é salgado, demolhe antes de partir. Costumo comprar presunto que se vende em "porções" e não presunto já fatiado por achar que é menos salgado.
Recheie os sacos das lulas com o preparado anterior, sem encher demasiado. Prenda com um palito e repita a operação até terminar.
Grelhe as lulas, sirva com molho verde e batata cozida.


segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Tortellini de ricota e espinafres com molho natas e queijo

Uma receita pronta em menos de 15 minutos, muito saborosa, ótima para estes dias chuvosos que vão aparecendo..
 
  
Ingredientes:
  • 1 embalagem de tortellini de ricota e espinafres;
  • 200ml de natas (usei natas com cogumelos porcini da Parmalat);
  • 1 caldo de legumes;
  • 50 gr de queijo ralado (usei gruyère);
  • fiambre ou bacon aos cubos q.b.
Preparação:
 
Levar a massa ao lume a cozer durante o tempo referido na embalagem;
Saltear o bacon, e juntar depois as natas o caldo;
Escorrer a água de cozedura da massa e juntar o molho anterior e o queijo;
Deixar o queijo derreter e servir.

 

 

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Bolo de Maça e Canela

Na empresa onde trabalho, as sextas-feiras são sinónimo de um lanche a meio da manhã, onde todos são convidados a participar. Todas as semanas um par diferente de "pasteleiros" traz iguarias para experimentarmos e desta vez, uma delas sou eu.
Depois de alguma pesquisa e muitas receitas selecionadas, acabei por optar por esta da Leonor do blog Flagrante delicia.
Segui a receita exatamente como está publicada aqui.


Ingredientes:

75 g de manteiga
175 g de farinha com fermento
50 g de açúcar em pó
1 ovo
75 ml de água
3 maçãs reinetas descascadas, descaroçadas e partidas em fatias grossas(cerca de 350 g)

Cobertura:
 60 g de açúcar mascavado claro
1 colher de chá de canela moída
25 g de manteiga


Preparação:

Pré-aquecer o forno a 180º C.
Untar com manteiga e forrar com papel vegetal uma forma com cerca de 20 cm de diâmetro.
Misturar a farinha com a manteiga numa taça e trabalhar com a ponta dos dedos até obter uma massa granulosa.
Juntar o açúcar e misturar bem.
Incorporar o ovo e a água até que esteja uma massa cremosa.
Espalhar a massa no fundo da forma.
Colocar as fatias de maçã sobre a massa, prensando-as ligeiramente.
Cobrir com o açúcar mascavado, a canela e espalhar pequenos pedaços de manteiga por cima.
Levar ao forno por cerca de 30-35 minutos.
Retirar do forno e deixar arrefecer ligeiramente antes de desenformar.
Servir o bolo morno ou frio.

quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Biscoitos de Canela

Estes biscoitos são muito simples de fazer e agora com o tempo frio e chuvoso, sabem muito bem com uma chávena de chá. Esta não é a receita que costumo seguir, mas como a fiz juntamente com um bolo de limão, achei que seria melhor não repetir o limão. Desta vez, fiz assim:

Ingredientes:


  • 125g de manteiga amolecida
  • 300 g de farinha
  • 100 g de açúcar
  • 1 ovo
  • canela q.b.
Preparação:

Numa tigela mistura-se o açúcar com a manteiga, o ovo e a farinha.Moldam-se depois pequenas bolinhas do tamanho de uma noz. 
Passam-se as bolinhas pela canela, de modo a ficarem todas cobertas.Colocam-se num tabuleiro forrado com papel vegetal e vão a cozer cerca de 25 minutos, em forno médio (180ºC), até alourarem. (Quando retirar os bolinhos do forno eles ainda estarão um bocadinho moles, mas depois de frios os bolinhos endurecem.)